domingo, dezembro 7

Criticativo do Presente Imperfeito.


Olá caros não-leitores.
Hoje estava eu lendo a programação cultural do "Natal Verão" quando me veio à cabeça aquela idéia chata de escrever aqui no blog criticando. Adoro fazer isso, as pessoas às vezes me perguntam porque eu faço isso, por eu sou tão desagradável. Bem agradáveis elas, mas vamos em frente. Eu faço isso, eu critico, eu falo mal, não porque sou um socialista revoltado ou um desempregado que passa fome. Mas porque eu não simplismente me contento com a situação atual e sigo minha pacata vida deixando passar tudo. Eu busco à fundo os podres da humanidade/sociedade. Eu sei que os textos geralmente ficam uma merda, mas é isso que é a sociedade em que vivemos, nossos hábitos, é tudo um grande monte de bosta verde e fedida. Parece engraçado, parece nojento, mas é a verdade.
Não falo que tudo é imperfeito, não. Temos coisas ótimas no nosso comportamento e na nossa sociedade. Mais exatamente, temos resquícios de coisas boas. Mas, nada é perfeito, e nada é completamente certo assim como nada é completamente errado. Como diria Paulo Coelho: "até um relógio parado acerta duas vezes ao dia".

Afinal, ninguém é perfeito.
Prazer, Sr. Ninguém.


p.s.: Estive pensando (Steve Wonder) em mudar o endereço do blog para algo menos inútil e mais legal, o que acham? Vou pensar em alguma coisa e faço uma enquete.
Comentem aqui.

Um comentário:

Inutíldo e seus amigos. disse...

Se eu tirar a foto do Iglesias vocês comentam?